23 de set de 2010

Clássicos com pouco tempo de mercado

 

VOLKSWAGEN POLO 1.0 16V

Devido a queda do IPI para carros 1.6 ter sido maior do que para carros 1.0, a VW aposentou o veículo e passou a produzir a versão 1.6.

VOLKSWAGEN SP1
Apenas 88 unidades foram produzidas entre novembro de 1972 e 1973

LADA
A fabricante Russa não conseguiu se adaptar no Brasil na década de 90. Uma pelo design que parecia ultrapassado, outra pela adaptação do motor para combustíveis nacionais. A montadora durou 5 anos apenas no Brasil.

FIAT OGGI VERSÃO CSS
Limitado a 300 unidades, o modelo foi o primeiro Fiat nacional com motor acima de 1.3. Hoje em dia é um carro raríssimo e muito procurado por colecionadores.

CHEVROLET CORSA GSi
Este modelo do corsa foi lançado para disputar mercado com o Gol GTI e Uno turbo. Porém, o motor 1.6 16V de 108 cavalos de potência era importado da Hungria e "sofreu" muito com a gasolina nacional.

CHEVROLET TIGRA E CALIBRA
Com apenas 2.652 unidades comercializadas no país, foi obrigado a parar a importação devido ao elevado valor do veículo. Isso devido a baixa valorização do real no final da década de 90.

Fonte:autooblitz

Nenhum comentário :

Postar um comentário